Curso de dublagem com Mariangela Cantú: Início imediato!

dublagem2

Anúncios

Quer ganhar uma bolsa e estudar com a gente? Participe do nosso sorteio em parceria com o ” Testes Artísticos” .

escola

O Testes Artísticos e a Nova Escola De Teatro resolveram adiantar o seu natal com um super presente!!! Sortearemos nada mais nada menos que 30 BOLSAS DE ESTUDO DE 25% PARA O CURSO PROFISSIONALIZANTE!!
– 10 bolsas para o horário da manhã (Curso intensivo)
– 10 bolsas para o horário da noite (Curso intensivo)
– 10 bolsas para o horário de sábado (Curso alternativo)

Quer participar? Siga os passos:
– Curta a página da Nova Escola de Teatro
– Curta a página da Nova Escola \
(E curta a nossa página, claro, se você ainda não tiver feito isso!)
– Compartilhe PUBLICAMENTE essa postagem em seu mural.

* Mande uma mensagem inbox para a página “VERDE” da escola [https://www.facebook.com/NovaEscoladeTeatroOficial] e diga nessa mensagem:
> Seu nome
> Sua idade
> Horário de interesse
> Por que você precisa dessa bolsa?

RESULTADO DIA 04/11! BOA SORTE A TODOS!

Programa para o final de semana: “Vanda” no Solar de Botafogo

582072_1397396793822061_335130490_n

Sinopse:

Tendo como mote os principais sentimentos do homem como amor, medo e ódio, abordados através de delicadas relações afetivas, “Vanda” é um espetáculo teatral que pretende falar sobre o ser humano e suas diversas possibilidades de ações e reações diante de segredos ou circunstâncias cotidianas absorvidas através do costume e do convívio. Composto por uma equipe atuante na cena teatral independente, “Vanda” tem o texto de Carlos Renato Eller, direção de Sarito Rodrigues e Ronaldo Julio, além de Vânia Alexandre, Nando Rodrigues e Carlos Renato Eller no elenco. A comédia dramática já realizou ensaios abertos no mês de novembro de 2012 nas Arenas (Pavuna e Penha) e Lonas Culturais (Guadalupe e Jacarepaguá), todas com grande receptividade do público e da crítica. A estreia acontecerá dia 14 no Solar de Botafogo com apresentações aos sábados às 18h30 e domingos às 18h.

Ao serem despejados da casa onde viviam, o casal Ademir (Carlos Renato) e Vanda (Vânia Alexandre) são obrigados a morar numa antiga casa que pertenceu aos pais de Vanda e onde ela passou toda a infância. O retorno a essa casa ressuscita memórias que, por toda a sua vida, Vanda lutou para esquecer. Tais recordações, somadas a uma série de revelações feitas por Jiló (Nando Rodrigues) – amigo de Vanda e desafeto de Ademir, que afirma existir uma relação extraconjugal de Ademir e uma filha fora do casamento -, provoca em Vanda a necessidade de um olhar mais atento sobre sua própria vida. A partir de então, ela passa a reconhecer os seus medos, inseguranças e fracassos tanto no casamento quanto nas suas relações de família e de amizade. Tal reconhecimento leva Vanda a uma atitude extrema de vingança.

Através do psicologismo realista, o autor traz umaprotagonista cheia de incoerências, medos e frustrações passando por diversas questões humanas e ainda pela discussão sobre a beleza e os padrões estéticos, “Na peça há um manequim, que não deixa de ser um personagem, com quem Vanda conversa e se espelha. É a partir desse manequim, levado para a casa pelo marido, que a Vanda projeta quem e como ela gostaria de ser”, conta o diretor.

Com um enredo dramático, mas com diversos elementos cômicos, “Vanda” apresenta o retrato de uma sociedade de valores vulneráveis. Por meio da solidão e contradição da personagem título, é evidenciado o lado poético da trama.  “O conflito da Vanda está dentro dela em decorrência da lembrança da mãe. Há um conflito interno, um ciclo de autossabotagem”, revela o autor.

Carlos Renato, autor e ator que divide a cena com Vânia e Nando, ambos com mais de 10 anos de carreira, tem o projeto há 5 anos e conta como surgiu a ideia de escrever “Vanda”: “Uma vez ouvi uma frase que era ‘A gente se une a alguém por amor, quando o amor acaba, a gente se une pelos problemas’, e fiquei pensando numa história que pudesse ser contada através dessa frase”. O diretor Ronaldo, que também é ator e dublador fazendo uma das vozes mais conhecidas no cinema, a de James Bond, já participou de outros projetos com Renato e realiza sua primeira direção de espetáculo ao lado de Sarito Rodrigues.

O cenário, assinado por Paulo Denizot, também responsável pela iluminação, é constituído por alguns objetos como um portal, armário e bancos, e projeções que representam as lembranças de Vanda. O espaço cênico é delimitado através de marcações no palco feitas pelos próprios atores no início da peça, buscando a ideia de confinamento e distanciamento utilizando um estilo brechtiano. Completam a ficha técnica o diretor Ronaldo Julio, que também assina os figurinos, Yuri Calandrino na trilha sonora e a CultConsult na produção.

Ficha técnica

Texto: Carlos Renato Eller

Direção: Sarito Rodrigues e Ronaldo Julio

Elenco: Vânia Alexandre, Carlos Renato Eller e Nando Rodrigues

Ambientação cênica e iluminação: Paulo Denizot

Figurinos e fotografia: Ronaldo Julio

Trilha sonora: Yuri Calandrino

Design: Luiz Arbex

Assessoria de Imprensa: Priscilla Santos

Direção de produção: CultConsult

Dias e horários:

Sábado às 18:30 – R$ 40,00
Domingo às 18:00 – R$ 40,00

Temporada: De: 14/09/2013 Até: 06/10/2013

Faixa Etária: 16 anos

Centro Cultural de Botafogo: Rua Gal Polidoro , 180 - Botafogo Tel.: - (21) 2543-5411

Centro Cultural de Botafogo: Rua Gal Polidoro , 180 – Botafogo Tel.: – (21) 2543-5411